5.1 C
São Marcos
InícioGeralSão-marquense é imortalizado pela Academia Luso-Brasileira de Letras do Rio Grande do...

São-marquense é imortalizado pela Academia Luso-Brasileira de Letras do Rio Grande do Sul 

Robson Cioato é historiador e professor em escolas municipais de São Marcos. Posse aconteceu nesta quarta-feira em Porto Alegre

Nesta quarta-feira (8) o são-marquense Robson Cioato, 25 anos, esteve em Porto Alegre para tomar Posse como Imortal da Academia Luso-Brasileira de Letras do Rio Grande do Sul.

De acordo com Cioato, a escolha se dá por unanimidade. “O presidente faz a indicação e defende os motivos pelo qual a pessoa deve receber a honraria, os membros da Academia decidem se sim, ou não, quando existe uma conformidade geral de opiniões e de pareceres, eles chamam a pessoa para Tomar posse como Imortal.”, explica o são-marquense.

Robson Cioato é historiador e professor municipal das escolas Dom José Barea e Antônio Pessini, administrador da página Colcha de Retalhos, no lugar da saudosa Iracema Grison (in memorian) e dos grupos Fotos Antigas, sociedade e memória do Rio Grande do Sul e GE arte Cemiterial e Fotografias Mortuárias.

A Academia, sediada em Porto Alegre, congrega entre seus membros intelectuais do Rio Grande do Sul e de Portugal e visa fomentar a cultura sob os mais variados aspectos, estreitando os laços culturais entre Brasil, RS e Portugal, com fito de promover um intercâmbio cultural com órgãos governamentais e entidades congêneres, tanto do Estado, quanto da união e do governo de Portugal, promovendo palestras, publicações, livros, coletâneas, revistas, exposições artísticas e concursos literários.

São produções da Academia o Jornal RS-Letras, Revista Científica Caosótica, TV Luso-brasileira e a Editora Caravelas. A entidade conta também com a biblioteca Fernando Pessoa, com mais de 08 mil volumes de obras raras, editadas no Brasil e em Portugal.

Destaques

Últimas

Conteúdo relacionado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui